Dor Orofacial é toda dor que sentimos na cavidade oral e na face. As condições clínicas mais associadas às dores orofaciais são dores de dente, dos tecidos periodontais, disfunção temporomandibular (DTM), neuralgias, tumores, trauma, doenças autoimunes etc.

Quando falamos em DTM, estamos nos referindo às disfunções que atingem a articulação temporomandibular (ATM), articulação essa que permite a movimentação da boca.

Os sinais e sintomas mais comuns da DTM são: dificuldade, dor ou limitação para abrir ou movimentar a boca, ruídos nas ATM, travamento da mandíbula, dores na face e próximo ao ouvido, cansaço nos músculos da face, certos tipos de dor de cabeça entre outros.

Não existe uma causa específica para a DTM. Existem fatores que podem desencadear, perpetuar e contribuir para que a dor e disfunção se apresente. Alguns destes fatores são: traumas (diretos ou indiretos), fatores emocionais (estresse e ansiedade), bruxismo quando acordado, bruxismo do sono e hábitos como mascar chicletes e  roer unhas, e até predisposição genética para dores crônicas, dentre outros. Antigamente, acreditava-se que tudo era causado pela posição dos dentes; hoje, os estudos mostram que o papel da má oclusão dentária na causa de DTM é pequeno.

Devido à etiologia multifatorial da DTM e à variedade de apresentações clínicas, tanto musculares como articulares, o tratamento desse distúrbio é extenso e diversificado. Na maioria dos casos, o tratamento é conservador e apresenta excelentes resultados, entretanto é importante lembrar que é fundamental um correto diagnóstico.

Se você suspeita que é portador de DTM, procure um dentista especialista em DTM e Dor Orofacial que é a especialidade odontológica que cuida destas e de outras dores da face.

HORÁRIO DE ATENDIMENTO

Segunda a Sexta-feira 8h30 às 18h30
Sábado 9h às 13h

Enviar mensagem

Horário de funcionamento:
Segunda a Sexta-feira - 9h às 18h
Sábado 9h às 13h